Mamã, tenho medo do escuro! [10 dicas para afastar o medo]

Junte-se a nossa lista

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

O seu filho, sempre tão corajoso durante o dia, queixa-se com medo do escuro à noite? Como afastar este medo do seu coraçãozinho assustado?

Sabemos que, eventualmente, já tenha sido há muito tempo… mas também deve ter sentido medo do escuro. Este medo é perfeitamente normal mas é preciso distingui-lo, consoante a idade das crianças.

Nas crianças entre 1 ano e meio e os 3 anos é um medo primário, arcaico e visceral. Nas crianças entre os 4 anos e os 10 anos, o medo já é um pouco mais complexo. Entendamos as diferenças!

Nas crianças entre 1 ano e meio e os 3 anos

O medo do escuro está muito associado a medos muito específicos. Temos o exemplo do Lobo Mau. Nesta idade, a criança tem um medo real de ser devorada. Está mesmo convencida que animais ferozes se escondem atrás das cortinas. Este seu medo está muito associado ao medo do vazio debaixo da cama e à sua cama.

Por isso, nem sequer se atreve a colocar um braço a pender fora da cama. Só de imaginar que tem de percorrer um caminho longo e escuro até à casa de banho, pode chegar a fazer xixi na cama.

Nas crianças entre os 4 anos e os 10 anos

Nesta idade, descortinar o medo do escuro já é mais complexo. Eis algumas razões pelas quais esse medo ainda persiste:

  • Há um medo perante o desconhecido (Com luz, nada se vê. Sem luz, podem aparecer feiticeiras, ladrões e até velhas esquisitas!)
  • Angústia a nível escolar (Não sentir que está à altura dos desafios apresentados diariamente, por exemplo. Ou a presença de colegas mais fortes durante o recreio)
  • Questões existenciais angustiantes (O que se passa depois de adormecermos? E se não voltar a acordar?)

Como ajudar o seu filho?

1 – Peça para partilhar consigo o seu medo. Se ele não conseguir, peça para lhe fazer um desenho.

2 – Pode comprar uma luz de presença, para que a criança se sinta “acompanhada”.

3 – Compre um ou mais livros sobre esta temática. Com a leitura, a criança vai aperceber-se que é um medo amplamente partilhado. E assim, ela ficará muito mais tranquila.

A Fnac sugere estes 7 livros.

4 –  Ter um companheiro de peluche pode ajudar a criança a sentir-se mais calma. Ou um objeto mais defensivo, ao estilo cavaleiro, como por exemplo, uma régua ou uma espada de plástico. 

Mamã, tenho medo do escuro! [10 dicas para afastar o medo] 1

5 – Dar um longo e sentido abraço.

6 – Fazer uma última ronda ao quarto antes de se deitar para garantir que não há nada de estranho ou assustador debaixo da cama, dentro dos armários ou atrás dos cortinados.

7- Usar uma lanterna para fazer uma caça ao tesouro no quarto escurecido. Esconda alguns brinquedos da criança para juntos os encontrarem.

8- Fazer jogos de sombras com as mãos na parede do quarto.

Mamã, tenho medo do escuro! [10 dicas para afastar o medo] 2

9 – Fazer uma mini-discoteca no quarto escurecido com umas luzes coloridas e música do gosto da criança. Dancem muito e espantem os medos!

10 – Porque o medo se veste de preto, vamos dar-lhe cor. Fazer um desenho num papel preto, dando cor ao que era escuro, transformando o medo do escuro em algo mais luminoso, colorido e quem sabe divertido. A criança tem medo de animais grandes, monstruosos e assustadores? Por que não desenhá-los com roupas às riscas, bolinhas e muitos folhos, com uns óculos e um chapéu de festa, pendurados nuns  balões a voar para muito muito longe?!

Sem desvalorizar esse medo sentido pela criança pode introduzir alguma piada e elementos divertidos para se rirem dessa causa do medo, por exemplo, os monstros. O objetivo é torná-los mais pequenos aos olhos da criança e fazê-la sentir no controlo, como se pudesse mandar nesses monstros, e assim a criança sente-se mais segura.

Para além do medo do escuro, existem outros que surgem à medida que a criança cresce. Quando as crianças têm medos, o melhor é ajudá-las a compreender esses medos.

Aqui pode ver mais formas de ajudar a criança a superar os seus medos: https://uptokids.pt/opiniao/medos-na-infancia-o-que-podemos-fazer-para-ajudar/

Aí por casa, os pequenos sentem medo?  Como os têm ajudado a lidar com isso?

 

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Artigos Relacionados

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva para receber as dicas do Gymbo!

Mantenha-se atualizado com nossas Dicas para o Desenvolvimento do seu Filho, Eventos Especiais e Descontos Exclusivos para Assinantes.

Scroll to Top