Deixar as fraldas

Junte-se a nossa lista

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixar as fraldas 1

Deixar as fraldas é por vezes um processo difícil, ajudando que os pais e a criança estejam realmente preparados. Como tal, este processo deverá ser uma conquista da criança, e não uma imposição colocada pelos pais, uma vez que o controlo dos esfíncteres, sendo natural, é ainda um desafio exigente para as crianças.

Deve iniciar-se o processo com um grande respeito pela criança – e pela sua decisão de colaborar. Para algumas crianças será fácil deixar as fraldas com sucesso mais cedo, mas ao tentar-se mais cedo, com a generalidade das crianças, estamos a sujeitar muitas delas a um mal-estar psicológico não negligenciável: “Quando as crianças são pressionadas antes de estarem preparadas para serem bem-sucedidas, os insucessos resultam em problemas sérios como a retenção das fezes, a incontinência fecal ou a enurese nocturna”.

Brazelton, T. Berry é um conceituado pediatra cuja bibliografia lhe poderá fornecer importantes conhecimentos acerca deste tema e muitos mais.

TC

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Artigos Relacionados

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva para receber as dicas do Gymbo!

Mantenha-se atualizado com nossas Dicas para o Desenvolvimento do seu Filho, Eventos Especiais e Descontos Exclusivos para Assinantes.

Aula Grátis - Gymboree Portugal
Scroll to Top