Porque brincar é mais que brincadeira

Junte-se a nossa lista

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

crianças
Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Porque Brincar é mais que Brincadeira

Brincar é uma atividade natural da criança e é a maneira por excelência que ela usa para conhecer o mundo à sua volta, os outros e a si mesma.

Brincar traz inúmeros benefícios para o desenvolvimento da criança, permite à criança desenvolver as suas competências físicas, cognitivas, sociais e emocionais.

Enquanto brinca, a criança está a explorar o mundo em redor e a desafiar as suas capacidades. Quando brinca, a criança pode revelar os tesouros que tem em si e o adulto ajuda esse tesouro a brilhar incentivando, encorajando e partilhando momentos de brincadeira.

É importante essa exploração livre e descoberta do meio envolvente com um risco controlado, com a presença e supervisão do adulto sempre que  necessário. É importante a criança aprender a lidar com o risco enquanto brinca para que desenvolva mais as suas habilidades motoras e outras socio-emocionais como a confiança, a perseverança e a capacidade de resolução de problemas.

Segundo o Professor Carlos Neto é urgente libertar as crianças.

O acto de brincar é considerado um momento muito benéfico para o desenvolvimento global da criança, nomeadamente das capacidades físicas e sociais.

Diferentes brincadeiras para diferentes etapas de desenvolvimento

É importante escolhermos as brincadeiras e também os brinquedos mais adequados para as diferentes idades, com o propósito de acompanhar as diferentes necessidades e interesses que a criança vai revelando ao longo do seu desenvolvimento.

A brincar, a brincar… a criança desenvolve-se, cresce feliz, segura e confiante.

Lembre-se de seguir o interesse da criança, esteja perto dela para observar onde esse interesse a leve e deixe-se guiar pelos seus sinais, gestos e ideias criativas!

Aproveite os momentos de brincadeira para conversar e cantar, descrevendo o que estão a fazer, nomeando os objectos que estão a usar, as partes do corpo envolvidas no movimento, que ações estão a fazer? Saltar, andar, subir, descer…?

 Tudo se torna muito mais fácil e apelativo quando se acompanham as brincadeiras com música!

 O seu pequenote vai desenvolvendo progressivamente representações mentais das músicas, bem como das várias brincadeiras ou jogos desenvolvidos.

É importante referir que os pais ou outro familiar próximo da criança constituem um modelo para ela. Verifica-se muitas vezes que os bebés observam atentamente a expressão facial ou a linguagem corporal dos adultos para saberem se algo é divertido ou seguro. Através deste processo de observação social as crianças vão adquirindo aprendizagens que irão ser fundamentais para o desenvolvimento futuro da criança.

É por isso que as nossas aulas no Gymboree valorizam tanto a sua presença e do seu bebé, pois acreditamos que juntos podemos obter resultados incríveis e surpreendentes…Se ainda não experimentou as nossas aulas venha experimentar!

https://youtu.be/Skz2ZaYRVOU

A partir do nascimento

Quando o bebé nasce, o conforto e tranquilidade do meio envolvente são muito importantes para a adaptação do bebé a este mundo novo.

 O Ursinho boa noite da Chicco vem ajudar nessa adaptação, que se quer suave.

Projeção e música

Criar pequenos rituais que marcam diferentes momentos do dia ajudarão o bebé a adaptar-se aos poucos ao ritmo do dia-a-dia.

Embalar o bebé ao som de uma música tranquila, ajuda a acalmar o bebé e pode ser um momento do final do dia. . O bebé vai aprender a reconhecer aquela música e luzes e associá-la ao momento de dormir.
Ter o ursinho junto ao berço do bebé para que ele o possa ver, ouvir e tocar-lhe também (com a ajuda do adulto). Aos poucos esse ursinho tornar-se-á familiar para o bebé, tornando-se um companheiro fiel no seu quarto, nos momentos de relaxar e descansar.

 

A partir dos 6 meses

Brincar com a natureza

Recolham alguns elementos da natureza, como folhas de diferentes árvores, pequenos galhos, pinhas, caruma.

Acompanhe as crianças mais novas na exploração táctil dos diferentes elementos e converse com elas sobre as suas características. E divirtam-se a usar as folhas como chapéus e as pinhas como bolas.

Convide as crianças mais velhas a contar e a agrupar os diferentes itens, ao mesmo tempo que incentiva a partilha e a descoberta das semelhanças e diferenças entre os vários elementos.

 

A nova linha Eco+ da Chicco é uma nova linha de brinquedos produzida em materiais reciclados e com embalagens recicláveis, que vem despertar nas crianças desde cedo o gosto pela natureza e carinho pelo nosso planeta.

Chicco Balansujące kamienie Stone Balance piramida : Humbi.pl

As Pedras empilháveis ECO com pequenos desenhos em relevo são boas para a estimulação táctil dos bebés e para fazer construções.

Os Copos empilháveis 2 em 1 ECO  permitem fazer torres, esconder e encontrar objetos (esconder as pedras empilháveis por exemplo), brincar com água – encher/esvaziar – e assim desenvolver a motricidade fina.

A Bola transformável 2 em  1 ECO permite a criança explorar livremente e construir o que quiser, desenvolvendo a sua criatividade.

 

A partir dos 10 meses

 

CAMINHO TÁCTIL

Para os bebés que gatinham: Fazer um percurso tátil com algumas almofadas e mantas e esconder objetos do interesse do bebé.

Poderão usar as formas geométricas do tapete 4 estações da Chicco para esconder ao longo do percurso. Depois de as encontrarem poderão encaixar nos respetivos espaços da flor luminosa desse tapete. Os círculos do tapete 4 estações da Chicco podem ser usados para aumentar o percurso e torná-lo mais desafiante, visto que podem assumir diferentes composições com ajuda dos velcros.

O bebé que já anda pode fazer o caminho de pé e as crianças mais crescidas vão gostar de saltar por cima das almofadas como um sapo, ou experimentar andar só com um pé em cima do percurso, andar para trás, levar uma forma geométrica na mão ou em cima da cabeça para no final encaixar na flor do tapete.

Porque brincar é mais que brincadeira 1

Podem ainda acrescentar o Ginásio Cresce e Caminha da Chicco ao percurso táctil, sendo que este brinquedo tão versátil acompanha o crescimento do bebé desde os 3 meses.

3m+: usar diferentes texturas, como algodão, um lenço suave, uma esponja para tocar em diferentes partes do corpo do bebé, de forma a desenvolver a consciência corporal e consciência táctil. Também podemos pendurar objetos no arco para o bebé tentar alcançar. Colocar o bebé de barriga para baixo, incentivando o bebé a elevar a sua cabeça e estimular os músculos das costas e pescoço.

6m+: Usar o brinquedo como um túnel e passar por baixo. O bebé que não gatinha pode ser deslizado numa manta ou tapete para passar por baixo do arco. Colocar o bebé sentado apoiado por almofadas sempre que necessário em frente da mesa interativa.

10 m+: Empurrar – estimula a força nos membros superiores e inferiores. Amparar o andamento do bebé, repetindo a cantar: “Empurrar, empurrar, vamos empurrar…”, incentivar e elogiar : “Boa, tu consegues!”

Primeiros passos dos 9 aos 12 meses

A partir dos 12 meses

Na faixa etária do 1º ano idade temos algumas opções que ajudam a criança a desenvolver diferentes capacidades:

Percurso de obstáculos, descobrir conceitos opostos, descobrir os sons dos animais e imitar.

Procurar o tesouro

Esconda um objeto especial na área de brincadeira do seu filho e veja se ele o consegue encontrar. Inicialmente, esconda o objeto num lugar plano e depois, à medida que as competências de resolução de problemas da criança se tornam mais sofisticadas, aumente gradualmente a dificuldade da caça ao tesouro!

– esconder as bolas da tartaruga efeito surpresa da Chicco e ir procurar pela sala. Depois encontrar e colocar na tartaruga. Fazer a contagem.

Chicco Tartaruga Efeito Surpresa

A banda dos Piratas

Convide o seu filho a bater num alguidar de plástico enquanto lhe vai dando pistas para parar e continuar. Quando ele já dominar o procedimento, experimente dar pistas sob a forma de um som – como um assobio ou palmas – um para avançar e dois para parar.

 

Ponte suspensa na ilha

 Faça, no chão, uma linha com um metro de comprimento, usando fita adesiva. Comece por segurar a mão da criança enquanto ela anda ao longo da “barra”. Depois, encoraje-a a experimentar sozinha.

Desafie mais as habilidade de equilíbrio da sua criança com a minha primeira bicicleta da Chicco.

Porque brincar é mais que brincadeira 2

Boas brincadeiras dentro e fora de casa!

Contem-nos, quais as vossas brincadeiras favoritas?

E têm brinquedos preferidos?

 

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Artigos Relacionados

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Subscreva para receber as dicas do Gymbo!

Mantenha-se atualizado com nossas Dicas para o Desenvolvimento do seu Filho, Eventos Especiais e Descontos Exclusivos para Assinantes.

Scroll to Top